www.cangucuonline.com.br

Publicidade

Ginecologista canguçuense será ouvido em audiência nesta quarta-feira

Cairo Barbosa está preso desde o dia 17 de junho. Médico é réu por crimes sexuais contra pacientes

O mês de outubro deve ser o último de audiências com vítimas e testemunhas do caso envolvendo o médico Cairo Barbosa, preso preventivamente desde o dia 17 de junho. Nesta quarta-feira (6), o ginecologista de 65 anos será ouvido em dois processos.

Ao todo, são três processos em que ele é réu – em maior parte, de crime de violação sexual mediante fraude. O médico ainda terá mais duas audiências em outubro, de acordo com informações de GaúchaZH.

Cairo nega ter cometido os crimes. A defesa, antes da prisão, emitiu nota dizendo que “não existe uma prova da ocorrência.”

 

 

Comentários
Carregando...