www.cangucuonline.com.br

Publicidade

Sala das Margaridas: Polícia Civil inaugura espaço de acolhimento para mulheres vítimas de violência

Ocorreu na tarde desta terça-feira (7) o ato de inauguração da Sala das Margaridas, um espaço dentro da Delegacia de Polícia de Canguçu que irá comtemplar o atendimento de mulher vítimas de violência no município. O projeto prevê proporcionar um ambiente acolhedor e reservado para encorajar mulheres no processo de rompimento do ciclo da violência.

Na oportunidade, estiveram presentes o Delegado de Canguçu César Nogueira, agentes civis, o prefeito em exercício Cledemir Gonçalves (MDB), a vereadora Iasmin Roloff (PT), a presidente do Conselho da Mulher de Canguçu, Luciara Lira, a representante da Defensoria Pública Camila Carvalho, o Delegado Regional, Márcio Seffels, o Promotor Márcio Ferreira, a Juíza Ellen Fernandes Paiva, a representante da OAB Lia Leal e a policial civil Luana Cavedon Rolim.

Salas das Margaridas

A estratégia das Salas das Margaridas é uma das principais políticas públicas da Polícia Civil no enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher. É um espaço reservado e privativo, onde são registradas ocorrências policiais, oitivas das vítimas, bem como o pedido de medidas protetivas e demais ações que fazem parte da Lei Maria da Penha.

Além da Sala das Margaridas, o local que era um antigo depósito de arquivos comporta a Sala de Mediação de Conflitos. “Era um sonho antigo da nossa delegacia, ter uma sala especializada para acolher as vítimas de violência doméstica bem como a sala da mediação onde será possível compor os fatos de menor gravidade que chegam até o nosso conhecimento. Gostaria de avisar a comunidade que já está em funcionamento, e sintam-se acolhidos em nossa delegacia”, disse o Delegado César Nogueira.

Comentários
Carregando...