www.cangucuonline.com.br

Servidores aderem greve estadual na Inspetoria de Defesa Agropecuária

423

Servidores da Inspetoria de Defesa Agropecuária decidiram aderir à greve do funcionalismo estadual. Os servidores estão na inspetoria informando os motivos da paralisação mas não realizam atendimentos. Apenas um funcionário (CC), que não é concursado, está atendendo. Mas devido ao grande fluxo o serviço ocorre com entrega limitada de fichas.

 

O atraso dos servidores que já duram quase 4 anos e a falta de reposição das perdas inflacionárias, somadas ao pacote do governador Eduardo Leite, que retira inúmeros direitos dos servidores do Estado, são as principais motivações da greve.

“Estamos reivindicando um direito básico, que é receber o nosso salário. Nós já perdemos tudo, então nada irá nos intimidar neste momento”, afirma o presidente da Afagro, Antônio Augusto Medeiros.

Entre os serviços que serão impactados pela greve dos fiscais estaduais agropecuários está a fiscalização dos abates nos frigoríficos, o lançamento e o controle dos dados da vacinação contra febre aftosa e a fiscalização da deriva do agrotóxico 2,4 D.

Nota de repúdio à truculência do governo do Estado no primeiro dia de greve
A Associação dos Fiscais Agropecuários do Rio Grande do Sul (Afagro) manifesta repúdio à violência e à truculência do governo do Estado contra educadores que protestavam democraticamente em frente ao Palácio Piratini, na Capital, durante ato nesta terça-feira (26/11) à tarde, primeiro dia da greve geral unificada dos servidores. Entre os feridos, está a presidente.

Comentários
Carregando...